MANCHETES
   
 
EDUCANDOS DA EJA
COLÉGIO COLBACHINI
NOVA BASSANO RS


Nossas opiniões são resultado de construções que fizemos ao longo de nossa vida, onde a história pessoal de cada um é um elemento fundamental, determinando leituras diferentes frente a mesma realidade. Na Educação de Jovens e Adultos-EJA a leitura da realidade, diante de diferentes temáticas: notícias sobre esportes, cidades, rural, manchetes, nacional e internacional, serviços e polícia, economia, ensino e temas em geral, nos ajuda na construção, reconstrução e ressignificação dos conhecimentos, ainda que de forma opinativa, ou seja, fundamentada no senso comum.
 

  Histórico
 21/08/2005 a 27/08/2005
 14/08/2005 a 20/08/2005

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Esportes
 Cidades
 Rural
 Nacional e Internacional
 Política
 Serviços e Polícia
 Economia
 Geral
 Ensino
 EJA Tempo Comunidade




 

 
 

Jornal Correio do povo

 

Data  18-08-05

 

Delúbio e Valério mentem

 

 

 

 

 

As últimas declaração de Marcos Valério ex-tesoureiro do  PT Delúbio Soares são vistas como uma maneira de esconder   as corrupções e o desvio de recursos públicos.Os dois   afirmam  o  crime eleitoral mas negam o mensalão .

Admitiram a  existência do “caixa 2” culpando o sistema eleitoral que obrigaria  os partidos a manter a contabilidade irregular  para  as campanhas  do mesmo .

Comenta-se   que  o dinheiro  serviu para cobrir  as despesas  da campanha dos diretórias regionais do partido. Na minha opinião Delúdio  e Valério  mantém , e ao mesmo tempo escondem o que de fato aconteceu em todo esse tempo.

Para que o nosso pais seja mais justo, será necessário uma reforma  política e a partir disso o executivo e o judiciário conseqüentemente serão justo.

 

   CECILÍA A PIVOTTO ANZOLIN

EJA T-4.1

 

 

 

 

 

 



Escrito por Alunos da EJA às 20h30
[] [envie esta mensagem
]


 

 

                           Hospitais estão lotados.                               

Opinião: 

    Na reportagem falava sobre o dia mais frio do ano, como aumentou o número de pessoas doentes nos hospitais.

    Só então percebi a importância de uma equipe porque com a falta de vagas dependemos muitas vezes da boa vontade deles fazendo o possível para nos acomodar nem sempre em um lugar tão confortável como um leito, mas se quisermos ser atendidos temos que aceitar assim.

   Muita coisa ainda deve mudar em nosso país em relação a nossa saúde, mas enquanto isso não acontece devemos ter paciência e esperança de que um dia irá mudar para melhor e não existira mais filas em frente aos hospitais.

  

 

 

 

 

 

Cátia Bresolin



Escrito por Alunos da EJA às 22h24
[] [envie esta mensagem
]


 

 

 

A construção social dos conhecimentos a partir da leitura da realidade

A Educação de Jovens e Adultos do Colégio Estadual Pe. Colbachini em sua proposta de trabalho de Tempo-Comunidade pretende trabalhar com jornais, revistas e outras fontes de conhecimento, trazendo presente a formação de opiniões e estabelecendo juízo de valores e argumentos diante dos fatos historiados.

Nossas opiniões são resultado de construções que fizemos ao longo de nossa vida, onde a história pessoal de cada um é um elemento fundamental, determinando leituras diferentes frente a mesma realidade. Na Educação de Jovens e Adultos-EJA a leitura da realidade, diante de diferentes temáticas: notícias sobre esportes, cidades, rural, manchetes, nacional e internacional, serviços e polícia, economia, ensino e temas em geral, nos ajuda na construção, reconstrução e ressignificação dos conhecimentos, ainda que de forma opinativa, ou seja, fundamentada no senso comum.

Faz-se necessário estabelecer interações entre os diferentes conhecimentos, o que justifica a seguinte proposta de trabalho:

"A partir de notíciais de jornais e/ou revistas realizar a leitura e análise de fatos ou notícias, identificando o material usado, data, nome e assunto veiculado. Neste momento caracterizamos a temática ou sessão das MANCHETES".

Lucia Wendland-coordenadora pedagógica da EJA.

 



Escrito por Alunos da EJA às 17h15
[] [envie esta mensagem
]


 

 
[ ver mensagens anteriores ]